terça-feira, 29 de outubro de 2013

Metralhadora austríaca

E a Red Bull ganhou mais uma integrante para o Hall dos Demitidos do programa de Jovens Pilotos. Isso porque a holandesa Beitske Visser anunciou em seu Facebook que não faz mais parte da equipe.

Não é surpresa para ninguém que a Red Bull é assim mesmo na base do 8 ou 80. Se for bem, fica na equipe com todas regalias possíveis, se for mal, é chutado sem dó nem piedade e jogado aos leões.

Visser se junta ao "seleto" grupo de demitidos que conta com 25 pilotos, sendo eles: Alex Albon, Filipe Albuquerque, Mikhail Aleshin, Jaime Alguersuari, Michael Ammermüller, Pedro Bianchini,  Mirko Bortolotti, Karun Chandhok, Stefano Coletti, Tom Dillmann, John Edwards, Brendon Hartley, Neel Jani, Daniel Juncadella, Mika Mäki, Kevin Mirocha, Daniel Morad, Oliver Oakes, Edoardo Piscopo, Niall Quinn, Jean-Karl Vernay, Stefan Wackerbauer, Robert Wickens, Lewis Williamson e Adrian Zaugg.

Cada vez mais as declarações de Robin Frijns sobre a Red Bull tratar o piloto "como um cachorro" fazem sentido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário