quarta-feira, 17 de abril de 2013

O fardo...

A temporada de 2013 da GP2 mal começou e Felipe Nasr já tem que carregar um fardo enorme. O de ser o futuro campeão brasileiro na Formula 1. Com os últimos resultados de Felipe Massa na Fórmula 1 o torcedor brasileiro já está desacreditado e resolveu olhar para trás para ver quem está mais próximo da categoria. 

O primeiro da lista é Felipe Nasr, que corre na GP2 pela Carlin e está no seu segundo ano categoria. No currículo o piloto brasiliense tem um brilhante título conquistado na Formula 3 Inglesa.

Que o brasileiro é bom, isso ninguém nega, mas desde a morte de Ayrton Senna ficou aquela lacuna do ídolo que te faz acordar aos domingos de manhã para ver a Formula 1. 

E isso não é exclusivo dos torcedores, a Rede Globo também sustenta essa expectativa em todos os brasileiros que passam pela categoria, afinal se não haver um brasileiro bom correndo a audiência cai não é amigo?

O problema é que isso é muito perigoso para carreira de Nasr, assim como Barrichello e Massa foram digamos que "queimados" por essa expectativa de um piloto campeão, Nasr também pode ser.
A pressão em cima do brasiliense é bem grande, e não é difícil ver os comentaristas da Rede Globo quando mencionam Nasr em alguma ocasião soltarem um "É a nova promessa, É um piloto muito bom, Será o novo campeão...". Isso tudo pode fazer que Nasr tenha uma ascensão prematura para categoria, e cair em uma equipe e um carro não tão bom para ser campeão. O fardo é pesado, e eu espero que Nasr não seja queimado como outros brasileiros foram.


Nenhum comentário:

Postar um comentário